Olá, Concurseiro! Tudo bem?

Se você optou pelo caminho de se aventurar nos concursos, saiba que ir até o local e fazer a prova é só a ponta do iceberg! Se pararmos para pensar, tudo tem sua história e com os concursos não seria diferente, isto é, cada prova tem seu histórico e uma identidade, de acordo com o perfil da vaga em questão.

Justamente por isso que você não pode entrar neste universo sem foco e planejamento. Estes dois aliados vão possibilitar o direcionamento necessário para que o conhecimento e o estudo sejam realizados com mais qualidade, permitindo, assim, que você tenha um bom rendimento e produtividade.

Deu para perceber, então, que para ganhar experiência nesse universo dos concursos, é necessário ter dimensão de todos os fatores que podem existir quando se escolhe um cargo. Dentro deste “todos” encontra-se o dia a dia da profissão, salário, necessidade ou não de mudança de cidade, se o horário de trabalho é fixo ou flexível, os direitos trabalhistas atrelados ao cargo e, claro, o perfil da prova do concurso (é bom, inclusive, saber se tem prova de redação ou não, já que é um importante quesito para uma boa classificação no concurso).

Por isso, preparei aqui 5 dicas para te ajudar na escolha do concurso ideal para você. Boa leitura!

1. Conheça o perfil da vaga e analise se é adequado ao seu perfil

Como você vai se dedicar aos estudos e vai gastar um precioso tempo com isso, nada mais importante do que você tentar se imaginar se encaixando no perfil da vaga selecionada. Mas, antes de fazer esse exercício de imaginação, você precisa obter mais informações objetivas sobre o trabalho que será realizado.

Sugiro, se tiver oportunidade de conhecer alguém que já atue na profissão, que converse como é a dinâmica diária do emprego. Caso não seja possível, busque fóruns online ou comunidades de discussão nas redes sociais e converse com pessoas que querem prestar um concurso como você, as que acabaram de ser contratadas e as que já atuam na profissão há algum tempo.

Sabendo como funciona o trabalho, você poderá se imaginar atuando nele e se esta atuação se afina com o seu perfil e o tipo de rotina profissional que almeja. Não adianta o cargo ter o salário desejado ou a rotina adequada se você não tem afinidade ou não se identifica com a realidade da profissão.

Muitas pessoas acabam passando nos concursos só por causa do dinheiro ou da estabilidade e, em seguida, quando lidam de fato com as tarefas profissionais diárias, não se sentem realizadas e ficam profundamente insatisfeitas com o trabalho.

Então, busque se informar sobre a vaga que você deseja ocupar. Com mais conhecimento você consegue se sentir motivado para cumprir as próximas dicas a seguir!

2. Leia atentamente os editais dos concursos referentes à vaga selecionada

Uma vez conhecido o perfil da vaga e decidindo que ela faz parte do que você espera vivenciar profissionalmente, agora você pode pesquisar quais os editais de concursos disponíveis para a profissão escolhida. Sendo um documento oficial de divulgação das normas de um concurso, é no edital que se encontram todas as normas referentes ao concurso como forma de inscrição, provas, notas e critérios de correção da(s) prova(s).

Um edital bem lido e bem compreendido evita qualquer dúvida sobre a forma de avaliação. Como as informações estão muito detalhadas no edital, é necessário que você tenha um pouco de paciência, pois todas as informações contidas nele são muito importantes.

Se surgir qualquer dúvida sobre a prova do concurso, não hesite em voltar ao edital e ler mais de uma vez os itens para que seja possível o esclarecimento. Caso você não encontre realmente nenhuma informação sobre a sua dúvida, procure as formas de contato com a equipe elaboradora da prova, disponíveis no próprio edital. 

3. Identifique o estilo de prova

Este ponto te ajudará a entender se a prova pra qual você quer estudar tem um estilo mais conteudístico, ou seja, se cobra mais do candidato definições e conceitos específicos das disciplinas, ou se é mais analítico, isto é, se exige mais interpretação das informações disponíveis na prova.

Em provas que exigem conhecimento sobre legislação, por exemplo, há duas opções: ou trazem questões sobre conteúdos específicos das leis ou inserem um artigo de uma determinada lei e pedem que os candidatos escolham a melhor paráfrase, entre as alternativas, que explique melhor o trecho selecionado.

Para saber mais sobre o estilo da prova, você pode procurar na internet as provas dos concursos anteriores. Você pode baixar no próprio site da banca (algumas provas mudaram de banca ao longo dos anos) ou encontrar em grupos de discussão nas redes sociais.

Sugiro que, ao ter estas provas anteriores em mãos, avalie como a prova é dividida, quantas questões existem no total e quantas existem sobre cada conhecimento específico exigido. Conhecendo o estilo da prova, você pode passar para o passo seguinte, que é estudar objetivamente essas provas.

4. Estude as provas dos anos anteriores

Aqui recomendo que você reserve um tempo especial para resolver as questões das provas. Este exercício te proporcionará reconhecer em quais questões tem mais facilidade e dificuldade, quanto tempo leva em média para responder cada uma delas e, inclusive, poderá te ajudar a elaborar um plano de estudos para os tópicos em que você sente mais dificuldade.

Nesta altura, por ter lido o edital com muita minúcia, você sabe a dedicação que precisa ter para resolver estas provas e quanto ela representa, em termos de pontuação, para uma boa classificação no concurso.

5. Busque grupos de discussão sobre a prova

Olhar o edital e resolver as provas anteriores te dará uma boa noção do concurso. Por outro lado, se você conseguir interagir com outros candidatos e com pessoas que já passaram pela mesma experiência que você, complementará mais ainda seu conhecimento.

Outra vantagem dessa aproximação com as outras pessoas é que você amplia sua rede de comunicação e, de tanto falar sobre a prova, pode ser que você se sinta mais próximo dela. Com isso, você evita um nervosismo exagerado quando chegar o momento de prestar o concurso. Afinal de contas, manter a calma é fundamental para garantir a concentração necessária quando estiver lendo e interpretando as questões.

Por hoje é isso! Espero ter ajudado. Desejo bons estudos e muita dedicação!

Profa. Aline Manfrim

Encontrou o concurso ideal para você e viu que ele tem prova de redação?

O Concurseiro Preparado é referência em redação para concursos. Conheça nosso treinamento com aulas em vídeo e correção profissional de redações feita por professores altamente gabaritados.