Olá concurseiros!

 

Hoje o nosso blog conta com a participação da Cássia Medrano, contadora, que tem uma grande experiência em concursos públicos. Assim como os nossos entrevistados anteriores, fizemos algumas perguntas-chave que vão ser muito úteis a vocês, a saber: o critério de escolha dos concursos, a atualização dos editais, a rotina e o cronograma de estudos e a redação. Como eu sempre digo, todo concursado já foi concurseiro!

 

  1. Olá. Você poderia nos contar qual foi o critério de escolha dos concursos que você prestou?

Resposta: De acordo com a minha formação, eu optei por cargos ligados à rotinas administrativas e contábeis. Acabei prestando concurso para bancos públicos, INSS, e o Departamento do Trânsito de São Paulo/Detran.

 

  1. De que forma você se mantinha atualizado sobre os editais, data e novos concursos?

Resposta: Pelos sites especializados em concursos e nos cursinhos preparatórios para concursos.

 

  1. Como era a sua rotina de estudos?

Resposta: O horário oscilava, mas sempre estudava de duas a três horas por dia. Isso sem contar a frequência nos cursos preparatórios.

 

  1. Você seguia alguma planilha ou cronograma de estudos? Você acha que isso pode ser eficaz para um concurseiro?

Resposta: Com relação ao cronograma das matérias, sempre seguia os editais, tanto os de concursos anteriores quanto do edital atualizado no momento da divulgação das provas. Isso é muito eficaz para os estudos, pois é uma chance de estudar e praticar exercícios, de se atualizar frente aos assuntos e ir mais confiante para o dia decisivo.

 

  1. Você teve algum preparo para a prova de redação? Que tipo de preparo você acha importante para esta etapa da prova?

Resposta: Para a prova de redação, me preparei lendo livros diversos, sites com notícias, e outras redações já apresentadas em diversos tipos de provas, como vestibulares.

 

  1. Você prestou vários concursos? O que você diria para um concurseiro que não passou em algum concurso ainda?

Resposta: Eu já prestei vários concursos e diria a um concurseiro que o dia de passar chegará, sim. Muitas vezes, estamos apenas nos preparando quando vamos às provas, às vezes nervosos, ansiosos pelo dia, podendo ir não tão bem em uma ou outra prova. Mas, ao insistir nos sonhos e participando dos concursos, adquirimos experiências. O reencontro com questões e assuntos parecidos ou iguais nos fortalece na hora ‘h’ da prova. No fim, acabamos aproveitamos muito tudo o que já estudamos, nunca é perdido. Portanto, todo o esforço vale a pena.

 

Quero encerrar agradecendo a Cássia por compartilhar sua experiência em concursos com a gente. Espero que vocês tenham aproveitado! Um abraço e até a próxima.