Olá, concurseiro!

Hoje vamos discutir um assunto de extrema importância e que tem sido bastante apontado nas correções de nossos alunos, o uso da pontuação, sobretudo no que diz respeito ao emprego da vírgula nas construções frasais. Além disso, vamos reforçar também a importância do bom uso dos conectivos.

 

Já apontamos, em textos anteriores, para a importância de escrever um texto claro, coerente e coeso, não é mesmo? No que diz respeito à coesão, tanto a pontuação quanto o bom emprego de conectivos variados fazem muita diferença na construção de sentido dos períodos elaborados em nossa redação. Lembre-se, concurseiro, que o texto de uma prova de concurso precisa ser objetivo, claro e direto, com boa relação entre as ideias defendidas e, além disso, sem ambiguidade na explanação dos argumentos. Para tanto, pensar a construção frasal é essencial.

 

Quando pensamos nos sinais de pontuação, lembramos que eles, muitas vezes, apontam pausas na enunciação, separam ideias ou ainda servem para desambiguizar o texto. No caso das vírgulas, elas podem tornar a redação mais clara ou podem, se mal inseridas, “quebrar” a linha de raciocínio do leitor, comprometendo a defesa do ponto de vista. Nesse sentido, vale ressaltar dois problemas comuns no emprego das vírgulas: casos em que erroneamente separamos o sujeito e o verbo (ou o verbo e seu complemento) e casos em que não inserimos adequadamente as vírgulas perto das conjunções.

 

No primeiro caso, vale lembrar que sujeito e verbo não devem ser separados por vírgula. A ordem canônica das frases em Língua Portuguesa é SUJEITO + VERBO + COMPLEMENTOS. Se essa ordem for mantida, não há necessidade de vírgulas. Vejamos:

O menino viajou ontem.

SUJEITO: o menino

VERBO: viajou

COMPLEMENTO (ADJUNTO ADVERBIAL): ontem

 

Nesse caso, não se deve inserir vírgulas, pois a frase segue a ordem mais usual. Só se deve acrescentar uma pausa nesse enunciado caso algum de seus elementos venha deslocado. Observemos:

Ontem, o menino viajou.

 

Da mesma forma, é comum ver problemas na pontuação perto dos conectivos. Quando usamos conectivos em nosso texto, normalmente também precisamos inserir vírgulas. Se a oração for iniciada por um conectivo, use vírgula depois dele. Se o elemento coesivo estiver no meio da oração, use vírgula antes dele:

Levantei atrasada. Apesar disso, cheguei a tempo de pegar o voo.

Levantei atrasada, mas cheguei a tempo de pegar o voo.

 

Agora vamos praticar as vírgulas em nossas redações e evitar descontos desnecessários na nota final. Mãos à obra e até a próxima!

Profª Aline